Incidência da entomofauna no ecossistema de Mopane no distrito de Mabalane

Abstract: 
Insects play an important role in terrestrial ecosystems. Studies on the effect of insect diversity in Mopane ecosystem can provide a rich base of information assisting in the conservation of biodiversity and are important in indicating the quality of the environment. A major cause of extinction of insects is the destruction and depletion of natural habitats. Therefore the present study aims to evaluate the incidence of insect fauna in Mopane ecosystem. The work took place in the district of Mabalane which is situated in the central part of the province of Gaza in Mozambique. The collections were performed in 6 installments of fixed size (100 * 100m), marked by chance in three areas (high, medium and low level of degradation. Sampling effort was 1h/pessoa/área as used by Asuncion et al. 2008. Results show that 77 individuals in five families (Anobiidae, Nymphalidae, Tettigoniidae, Scarabaidae, Saturniidae) and three orders, with Lepidoptera (59.7%), then with the Coleoptera (36.4%) were collected by the order Orthoptera with (3.9%). infestation was higher in the high levels of deforestation with 44.4% infested pods, then the middle level was 33.3% and finally 22.2% in the low levels of degradation. The number of individuals collected was higher the high level of deforestation. Anobiidae The Saturniidae and family were the most abundant of the orders Coleoptera and Lepidoptera, respectively Tettigoniidae and family was the rarest ecosystem in Mopane. According faunal parameters of frequency, only one (1) family (Saturniidae) was very often two (Nymphalidae and Anobiidae) were frequent and the remaining two (2) were uncommon. And the Orthoptera order was less expressive offbeat presenting, in almost all levels.The diversity index was higher (0.54), the average levels of degradation and lowest (0.34) at the high level of degradation. According to the Friedman test and Kruskal-Wallis, there is no significant different between the different levels of degradation as the frequency and abundance and diversity of individuals.
Os insectos desempenham papel importante nos ecossistemas terrestres. Estudos sobre a incidência, diversidade dos insectos no ecossistema de Mopane podem prover uma rica base de informações auxiliando na conservação da biodiversidade e são importantes na indicação da qualidade do ambiente. Uma das principais causas da extinção dos insectos é a destruição e diminuição dos habitats naturais. Portanto o presente trabalho visa avaliar a incidência da entomofauna no ecossistema de Mopane. O trabalho realizou-se no distrito de Mabalane que está situado na parte central da província de Gaza, em Moçambique. As colectas foram realizadas em 6 parcelas de tamanho fixo (100*100m), distribuídos ao acaso em três áreas (alto, médio e baixo nível de degradação. O esforço amostral foi 1h/pessoa/área, usando a rede entomológica, conforme utilizado por Assunção et al., 2008. Os resultados revelam que, foram colectados 77 indivíduos distribuídos em cinco famílias (Anobiidae, Nymphalidae, Tettigoniidae, Scarabaidae, Saturniidae) e três ordens, Lepidoptera com (59.7%), em seguida aColeóptera com (36.4%) por fim a Orthoptera com (3.9 %). Houve maior infestação no alto níveis de degradação com 44.4% de vagens infestadas, em seguida foi o nível médio com 33.3 % e por fim 22,2 % no níveis baixo de degradacao. O número de indivíduos colectados foi maior no alto nível de degradação. A família Anobiidae e Saturniidae foram as mais abundantes das ordensColeóptera e Lepidoptera respectivamente e a família Tettigoniidae foi a mais rara no ecossistema de Mopane. Conforme parâmetros faunísticos da frequência, apenas uma (1) família (Saturniidae) foi muito frequente, duas (Nymphalidae e Anobiidae) foram frequentes e as restantes duas (2) foram pouco frequentes. A ordem Orthoptera foi a menos expressiva apresentando-se pouco frequente, em quase todos os níveis. O índice de diversidade foi maior (0.54), no nível médio de degradação e menor (0.34) no nível alto de degradação. Segundo os testes de Friedman e Kruskal-Wallis, não há diferentes significativas entre os diferentes níveis de degradação quanto a frequência e abundância e diversidade dos indivíduos.
Language: 
Date of publication: 
2014
Country: 
Region Focus: 
Southern Africa
Author/Editor(s): 
Collection: 
Other Papers, Posters and Presentations
Licence conditions: 
Open Access
Access restriction: 
Form: 
Printed resource
ISSN: 
E_ISSN: 
Edition: 
Extent: 
vi,42